Capital Social da sua Imobiliária. Para que serve?

Capital Social – Para que serve?

capital social é o primeiro recursos financeiro (ou material) que a imobiliária adquire e tem como objetivo mantê-la “viva”até que a imobiliária se torne auto-sustentável financeiramente.

O valor do Capital Social é definido no contrato de sociedade.

Cada sócio terá a obrigação de depósito na empresa dos valores acordados e por consequência, será proprietário de uma percentagem da empresa ( quotas ou acções ).

A remuneração deste capital será feita na distribuição de lucros aos sócios.

Qual o valor aconselhável para o capital social?

Tudo vai depender da dimensão que o empresário pretende dar ao negócio.

Existem imobiliárias que necessitam de muito capital social no seu arranque (como por exemplo – franchising), outras podem nascer com pouco dinheiro como é o caso de imobiliárias totalmente online.

Quando os empresários optam por constituir uma imobiliária com um capital social muito baixo, podem ter que recorrer a fontes de financiamento externas para conseguir a sobrevivência da empresa e aí deverão certificar-se (antes da constituição da empresa) se têm forma e viabilidade para se financiarem na banca (por exemplo).

Qual o valor mínimo legal para o capital social?

A constituição de empresas em Portugal nos últimos anos, tornou-se gradualmente mais rápida com menos burocracia, como forma de fomento e desenvolvimento ao empreendedorismo em Portugal.

capital social das empresas, foi também um alvo dessas reestruturações burocráticas e administrativas ( Decreto-Lei n.º 33/2011, de 7 de Março ): durante muitos anos para abrir uma empresa era necessário ter um capital social mínimo de cinco mil euros, agora pode-se abrir com o valor de um euro por cada sócio.

Assim sendo, o capital social deixou de ser um entrave para aquele empreendedores que não tinha verbas suficiente para o constituição da sociedade/empresa.

Tem dúvidas?

O seu modelo de negócio responde-lhe a todas as suas dúvidas e dá-lhe o valor ideal para o capital necessário na sua futura empresa.

Veja tambêm:

    • Maria
    • 7 Dezembro, 2018
    Responder

    Pode dar um exemplo de plano de negócio PF?

      • Amilcar Lopes
      • 7 Dezembro, 2018
      Responder

      Maria, obrigado pelo seu comentário.
      Um plano do negócio, não é mais que uma simulação (o mais real possível) da viabilidade ou não do negócio e como ele se irá comportar: vai perceber a quantidade de custos fixos e variáveis, recursos humanos, as receitas necessárias, pontos fortes e pontos fracos do negócio, o ponto crítico das vendas, a necessidade de fundo maneio, o capital próprio ou alheio necessário, etc…

    • Carlos Martins
    • 8 Novembro, 2018
    Responder

    Boa tarde. Mas existe alguma media de valor para se puder abrir? Por exemplo 10.000 euros será suficiente? 15.000? Obrigado

      • Amilcar Lopes
      • 8 Novembro, 2018
      Responder

      Obrigado Carlos pelo seu comentário. O valor de capital necessário para criar uma empresa de mediação imobiliária, vai depender sempre dos custos necessários para a instalação da empresa e uma verba suficiente de fundo maneio para manter o negócio até que comece a faturar.
      Faça um plano do negócio, vai perceber logo quanto vai precisar para o seu negócio imobiliário.

Gostou? Deixe-nos a sua opinião

Contabilidade para a sua Imobiliária

"100% Online"

Quer Abrir Uma Imobiliária?

Pin It on Pinterest