Passou o fim de ano e não fizeste o inventário das existências!

Que grande erro tu cometeste. 😮

E agora, que já realizaste vendas no ano seguinte, como vais saber o valor das existências do ano anterior?

inventários-das-empresas-código-de-barras.

Então é assim …

Se não sabes valor das existências, tambêm não sabes o teu consumo. Certo?

Se não sabes o teu consumo, também não sabes as tuas margens. Como não conheces as margens, a tua gestão não existe. Certo? És, ou não, um gestor do teu negócio?

Provávelmente, não és gestor!

Não tens conhecimentos de gestão, nem dominas os números da contabilidade? Só assim, se justifica não teres interesse pelo inventário do teu negócio.

A tua empresa poderá a ter problemas sem tu saberes.

Tem cuidado. A maioria dos empresários, faz a gestão através da conta bancária, ou do relatório de vendas do software de faturação. Isso não é gestão. Esses indicadores isoladamente, nada te dizem do teu negócio. Acredita!

Deves planear e acompanhar todos os indicadores financeiros da empresa. O inventário é indispensável, e, é sempre realizado a 31 de dezembro. Caso contrário, viciará os números.

 

Pin It on Pinterest